Sidebar

O diretor geral da Escola Superior da Magistratura Tocantinense (ESMAT) e presidente do Colégio Permanente de Diretores de Escolas Estaduais da Magistratura (COPEDEM), desembargador Marco Villas Boas, apresenta, na tarde desta segunda-feira (19), o projeto Boas Práticas Comunitárias de Inclusão Social e promoção da Cultura de Paz, realizado nas comunidades tradicionais indígenas do Tocantins. Prevista para iniciar às 14h30, a apresentação também contará com o magistrado Wellington Magalhães, membro da 3ª Diretoria Adjunta – Conselho de Altos Estudos e Pesquisa Científica da Esmat.

Transmitido pela plataforma Youtube com tradução simultânea para português, inglês e espanhol, o evento faz parte da programação do Primeiro Fórum Latino-Americano sobre Segurança Humana para os Direitos Humanos e XII Congresso Internacional em Direitos Humanos sobre fatores de Promoção Humana e Sustentabilidade, que teve início nesta manhã e segue até o dia 21 de outubro.

O evento é organizado pelo Comitê Permanente da América Latina Sobre Prevenção ao Crime (COPLAD) – Programa do Instituto Latino-Americano das Nações Unidas para a Prevenção do Delito e Tratamento do Delinquente (ILANUD) –, que tem sede em San Jose, Costa Rica, e como parceiros Internacionais o Colégio Permanente de Diretores das Escolas Estaduais da Magistratura (COPEDEM) e a Escola Superior da Magistratura Tocantinense (ESMAT), por meio do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Prestação Jurisdicional e Direitos Humanos (UFT/ESMAT).

Para acessar a homepage do evento clique aqui.

Para se inscrever, clique aqui.

Para acessar a programação clique aqui

Texto: Wherbert Araújo – Comunicação Esmat

Destaques