[1]
C. T. L. da Silva, “ENSAIO SOBRE A POSSIBILIDADE JURÍDICA DA GUARDA ALTERNADA”, REESMAT, vol. 5, nº 5, p. 241-286, set. 2016.