Cumprindo agenda institucional na sede da ONU, em Nova York, o diretor geral da Esmat, desembargador Marco Villas Boas, se reuniu com Rafael Celso de Araújo da Silva, gerente associado do Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS), órgão operacional da Organização das Nações Unidas (ONU), cujo objetivo é auxiliar diferentes parceiros a implementar projetos de ajuda humanitária, desenvolvimento e construção da paz, nos contextos mais complexos da atualidade, mediante práticas sustentáveis, tendo mais de vinte escritórios em diferentes países do mundo.

"Essa troca de informações com uma das mais importantes organizações internacionais de defesa e estudos sobre Direitos Humanos em todo o mundo, sempre engajada no cumprimento do que dispõe o preâmbulo da Carta das Nações Unidas, que reafirma como ideais “a fé nos direitos fundamentais do homem, na dignidade e no valor do ser humano, na igualdade de direitos dos homens e das mulheres, assim como das nações grandes e pequenas” é sem dúvida, um grande passo para a Esmat, ressaltou Villas Boas.

Durante a reunião, o desembargador Marco Villas Boas oficializou o convite ao gerente do Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos, Araújo da Silva, para ministrar palestra na X Edição do Congresso Internacional em Direitos Humanos, a ser realizado na cidade de Palmas-TO, em novembro de 2019. O Congresso é organizado pelo Programa de Mestrado em Prestação Jurisdicional em Direitos Humanos, e aberto a toda a comunidade com o objetivo de discutir e entender que Direitos Humanos é pilastra-mestra na construção de um verdadeiro estado democrático de direito.

Na oportunidade o diretor geral outorgou o Medalhão Esmat ao senhor Rafael Celso de Araújo da Silva, como reconhecimento por sua contribuição à defesa dos Direitos Humanos.