O Plenário do Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins, em sua sessão ordinária, realizada nesta quinta-feira (4/10), aprovou, por unanimidade, a recondução do desembargador Marco Villas Boas ao cargo de diretor geral da Escola Superior da Magistratura Tocantinense, e a desembargadora Etelvina Sampaio Felipe ao cargo de primeira diretora adjunta da Escola.

 “Espero continuar fazendo jus a essa confiança e prosseguir com os grandes projetos em andamento", ressaltou o desembargador Marco Villas Boas. 

Em sua Gestão como diretor geral da Esmat por quatro biênios consecutivos, conseguiu seu credenciamento no Conselho Estadual de Educação, passando a ministrar cursos de Pós-Graduação Lato Sensu para magistrados e servidores. Mediante convênio com a Universidade Federal do Tocantins, implantou, na Esmat, o primeiro Mestrado Profissional do Brasil, em Prestação Jurisdicional e Direitos Humanos, para aperfeiçoamento de magistrados e de servidores, e o Sistema de Qualidade ISO 9001 na instituição; firmou convênio com a Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, com o Instituto do Direito Brasileiro da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, e com o Instituto de Ciências Jurídico-Políticas da mesma Universidade.