siqueira campos

José Wilson Siqueira Campos

Nasceu no Cariri do Ceará, na cidade do Crato, em 1928, filho do mestre Pacífico Siqueira Campos, que tinha a profissão de sapateiro, e de dona Regina Siqueira Campos. Conhecido apenas pelo sobrenome, Siqueira Campos teve como marco em sua história a luta pela criação do Estado do Tocantins. É o grande responsável pela construção da capital Palmas, última cidade brasileira planejada do século 20. É o atual e também o primeiro governador do Estado do Tocantins, já tendo exercido o cargo em três mandatos anteriores (de 1989 a 1991, de 1995 a 1998 e de 1999 a 2002).

 

maria rosarioMaria do Rosário Nunes

Nasceu no Rio Grande do Sul, na cidade de Veranópolis, em 1966. Formada em Pedagogia pela UFRGS, com especialização pela USP. É professora e também política no Brasil. Foi vereadora por dois mandatos em Porto Alegre. Exerceu cargos na direção de partido, municipal e estadual. Coordenou o programa de governo da então candidata Dilma Rousseff nas áreas de Direitos Humanos, Educação e Políticas para as mulheres. Defende a existência da Comissão da Verdade e a Emenda Constitucional do Trabalho Escravo, que prevê a expropriação e a destinação para a reforma agrária de terras onde a prática seja encontrada. Atualmente, é ministra-chefe da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. Ocupa também uma cadeira na Câmara Federal.

 

marco villas boasMarco Villas Boas

Mineiro de Uberaba, nascido em 1962. Bacharel em Direito, mestrando em Direito Constitucional, pela Universidade de Lisboa. É membro da Academia Tocantinense de Letras. Foi um dos fundadores do Curso de Direito da Universidade do Tocantins. É desembargador no Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins, presidindo-o no biênio 2003-2005. Presidiu, também, o Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO), biênio 2011-2012, e o Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais (COPTREL). Atualmente, é vice-presidente e corregedor do (TRE-TO); vice-presidente do Colégio Permanente de Diretores de Escolas Estaduais da Magistratura (COPEDEM); diretor geral da Escola Superior da Magistratura Tocantinense (ESMAT).

 

ela wiecko

Ela Wiecko Volkmer de Castilho

Jurista brasileira. Nasceu em Curitiba, em 1948. Doutora em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina. Ingressou no Ministério Público Federal em 1973. Tornou-se subprocuradora-geral da República em 1992 e desde 2001 seu nome consta da lista tríplice para o cargo de procurador-geral da República, elaborada por votação pela Associação Nacional dos Procuradores da República. Desde 1980, é professora concursada na Universidade Federal do Paraná. Lecionou, também, na Universidade Federal de Santa Catarina e na Universidade de Brasília, nas áreas de Direito Penal e de Direitos Humanos.

 

luca ferreroLuca Ferrero

Juiz de Direito, desde 1992. Atualmente atua na Corte de Turim, Itália. É especialista em Direito Criminal. Paralelamente à sua carreira no Judiciário, tem sido encarregado de algumas tarefas temporárias em âmbito internacional, dentre as quais destacam-se: atuação como juiz Internacional pelas Nações Unidas na administração transitória em Timor Leste; membro organizador do novo Código de Processo Penal no Afeganistão; participante do projeto de reforma do Processo Penal na Bulgária. Prefere atuações profissionais em que tem oportunidade de compartilhar opiniões doutrinárias sobre Direitos Humanos, Cooperação Internacional em Matéria Criminal e Independência do Judiciário, participando de seminários e workshops em diversos países.

 

carlos amasthaCarlos Amastha

Nascido em Barranquilla, Colômbia, em 1960.  Naturalizado como brasileiro desde 1990, chegou ao Brasil aos 22 anos de idade, fixando-se primeiramente em Curitiba-PR. É empreendedor no ramo da educação à distância e de shopping centers, sendo o diretor-presidente do Grupo Skipton. Sua relação com o Tocantins e com Palmas não é recente. Está no Estado há mais de 12 anos, e no município desenvolveu vários projetos e empreendimentos. Desde que veio para o Estado, procurou se envolver com as causas, o povo e os problemas de Palmas. Em 2012, foi eleito prefeito de Palmas-TO, conquistando o seu primeiro cargo eletivo.

 

carla amadoCarla Amado Gomes

Nasceu em Luanda, em 1970. Professora  doutora da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. É vice-presidente do Instituto da Cooperação Jurídica da Faculdade de Direito de Lisboa desde 2006. Leciona em  cursos de mestrado e pós-graduação em Direito do Ambiente, Direito Administrativo e Direito da Energia, em Angola, Moçambique e Brasil. Foi professora convidada da Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa, entre 2007 e 2013. Tem obras publicadas nas áreas do Direito Administrativo, do Direito Constitucional, do Direito do Ambiente e do Patrimônio Cultural, do Direito da Educação e do Direito da União Europeia, áreas em que leciona.

 

james lJames L. Creighton

Ph.D. em Psicologia pela International Institute for Advanced Study. Tem papel fundamental no campo da participação pública (input do público). Como consultor, criou ou conduziu mais de trezentos processos de participação pública nas decisões controversas de recursos naturais, como a localização de barragens, armazenamento de resíduos nucleares e remoção de armas químicas. Seus clientes incluem praticamente todas as agências de recursos naturais no governo dos EUA, bem como empresas de serviços públicos nos EUA e Canadá. É presidente fundador da Associação Internacional para a Participação Pública (IAP2), e já realizou treinamento nesta área e na de Resolução de Conflitos, na Tailândia, Japão, Coreia, Brasil, Egito, Rússia e República da Geórgia.

 

tarsis barretoTarsis Barreto

Doutor em Direito pela Universidade Federal da Bahia. Professor adjunto em Direito Penal na Universidade Federal do Tocantins. Coordenador e professor do Curso de Mestrado em Prestação Jurisdicional e Direitos Humanos da UFT/ESMAT/EPM. Coordenador e professor do Curso de Especialização em Ciências Criminais da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Experiência docente em diversos cursos de Graduação e Pós-Graduação na área do Direito com ênfase no Direito Penal. Parecerista da Revista Guia do Estudante para cursos de Direito e da Revista Jurídica da Presidência da República. Membro da Associação Brasileira de Professores de Ciências Penais.

 

ardito vegaWilfredo Ardito Vega

Nascido em Lima, em 1965, é advogado, escritor e conferencista. Mestre em em Direitos Humanos Internacionais da Universidade de Essex, e doutor em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Peru (PUCP). Especialista em questões de Direitos Humanos, Democracia, Justiça e Direitos dos Povos Indígenas. É reconhecida a sua iniciativa no Peru para erradicar o racismo e a discriminação. Atualmente é professor na Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica do Peru (PUCP) e membro do Conselho de Administração para Não Discriminação da Coordenadoria Nacional de Direitos Humanos.