Os alunos do curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Teoria da Decisão Judicial – Turma II –, frequentam de 15 a 17 de março, na Esmat, as aulas do módulo destinado ao estudo dos Impactos Processuais nas Decisões Judiciais do Processo Coletivo.

O objetivo da matéria é identificar e avaliar os interesses coletivos em face do problema do acesso à justiça; assimilar o conteúdo e as distinções entre as principais vias de acesso à jurisdição no tema dos direitos coletivos; visualizar os reflexos que o processo coletivo pode causar; analisar e refletir acerca dos principais debates jurisprudenciais da atualidade; e interpretar o controle de constitucionalidade sob a perspectiva do processo coletivo.

As aulas são de responsabilidade do professor Ricardo Alexandre da Silva, mestre e doutor em processo civil na Universidade Federal do Paraná. Bacharel em direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (2000), o advogado Ricardo Alexandre da Silva é professor nos cursos de Pós-Graduação "Lato Sensu" em Processo Civil, do Instituto de Direito Romeu Felipe Bacellar, da Unicuritiba – Centro Universitário Curitiba; da Academia Brasileira de Direito Constitucional (ABDConst); do curso Prof. Luiz Carlos, da Universidade da Região de Joinville (UNIVILLE); da Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI); do Cesusc – Faculdade de Ciências Sociais de Florianópolis e das Faculdades Campo Real de Guarapuava. Professor licenciado no curso de graduação da Universidade Tuiuti do Paraná na disciplina "Processo Civil II". É autor de diversos trabalhos jurídicos.

Fotos disponíveis no Flickr Esmat